segunda-feira, 17 de fevereiro de 2014

Medo.

O meu maior medo neste momento chama-se Ledertrexato

Vou começar a tomar estes comprimidos para tratar a Psoríase e ler a bula não é nada agradável. Se tomar a mais do que devo, posso morrer. Se tomar o prescrito, posso ter complicações que levam à morte na mesma.
Basicamente é um medicamento usado para tratar vários tipos de cancro. Tenho que fazer análises todas as semanas e ter muito cuidado. Não posso estar ao sol, também.
Já pesquisei no Google e só encontro casos que acabaram mal. 
Já estou numa pilha de nervos e não sei que fazer. 

P.S: Se alguém já tomou isto ou conhece alguém que tomou, por favor partilhem comigo! 

25 comentários:

  1. Vai tudo correr bem, acalma-te por muito difícil que isso seja agora.*

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, Liliana. Vou respirar fundo :)
      Beijinho*

      Eliminar
  2. Não devias ter ido ver ao google!
    O que eu faria era ligar para o médico e explicar o que te está a preocupar! Afinal, eles não servem só para passar receitas :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois é, Andreia, não resisti :|
      Eu falei com o médico e ele não mencionou nada sobre morrer, mas eu sempre fui um pouco hipocondríaca e não há remédio para isto ;D
      Beijinho*

      Eliminar
  3. Força!!! Leva as coisas com calma.

    Beijinhos

    http://mademoisellecf.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  4. Desculpa perguntar, mas quais foram os primeiros sintomas?
    Força, vai tudo correr bem :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Catarina. Não precisas de pedir desculpa por perguntar. Estás a te referir aos sintomas da Psoríase ou dos comprimidos? É porque os comprimidos ainda só vou começar amanhã.
      Obrigada pela força.
      Beijinho*

      Eliminar
  5. Respostas
    1. Olá Catarina.
      Os primeiros sintomas que me lembro de ter foi começar a ficar com "caspa". Na altura não liguei, pois pensei que era mesmo caspa.
      Depois passei por um momento de stress bastante grande e no dia seguinte acordei com uma espécie de erupção na pele da barriga (parecia uma alergia). Nos dias seguintes, começou a aparecer nos braços e alastrou-se para as costas.
      Como naquela altura ninguém por aqui imaginava o que era Psoríase, deixei andar. As marcas começaram a ficar cada vez maiores e brancas e espalharam-se pelo corpo todo.
      Comigo foi assim que aconteceu. Mas penso que é uma doença, em que os primeiros sintomas variam de pessoa para pessoa.
      Beijinho*

      Eliminar
  6. No meu caso ainda hoje tenho dúvidas se começou pela cabeça ou pelo braço. Tinha no braço, perto do pulso, uma erupção, já com as "casquinhas", mas lembro-me de sentir uma zona da cabeça com a pele irritada, que largava "caspa". Ambas eram pequenas zonas, a minha psoríase é do tipo gutata. Depois espalhou-se pelo corpo todo e cara, e eram tantas as "gotas" que pareciam mais placas.
    Mas sim, varia de pessoa para pessoa. A minha mãe tem a psoríase tipo placas e nunca alastrou assim como a ti, só quando esteve grávida de mim é que esteve bastante mal. E entretanto desapareceu! Fez um tratamento bastante duro, acho que hoje em dia já nem se faz, até injecções de Valium numa dose que penso já nem existir tomou. Agora aparece às vezes uma lesãozita ou outra, mas muito pequenas, até parece mais a gutata, mas ela ataca com o mesmo medicamento que eu.
    Já o meu avô paterno tem como eu....e não liga nenhum! Tem essencialmente no tronco, põe creme, apanha o solzinho quando ele aparece, e elas acalmam.

    http://oquetenhoparavender.wordpress.com

    ResponderEliminar
  7. Olá Sofy!
    Lembrei-me esta madrugada quando tentava adormecer! Eu conheço uma pessoa que, não sei se toma esse medicamento, mas sei que tem um tipo de psoríase grave, e que a medicação é super forte, é super controlada pelos médicos, deixa-a completamente sem defesas durante a toma. Estive a ler a bula do teu medicamento e penso que é do mesmo género.

    Ela nunca teve nenhuma das reacções graves que aparecem descritas (metem medo mesmo!), e nem tem à vista nenhuma lesão, pelo menos que dê mesmo nas vistas, conheço-a, sem ser minha íntima, temos uma grande amiga em comum, há uns 10 anos. E soube pela nossa amiga que ela tinha a doença e fazia um tratamento super agressivo, que a deixava com o sistema imunitário de rastos, mas. como disse, nunca teve nenhum efeito secundário grave.

    Espero ter ajudado em alguma coisa...
    beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá!
      Obrigada por partilhares as tuas "histórias" comigo.
      Essa tua conhecia provavelmente está a tomar esta medicação também.
      Fico mais descansada em saber que existem casos sem sequelas demasiado graves. Apesar de ser chatinho, espero que me ajude.
      Beijinho*

      Eliminar
    2. Eu vou tentar falar com ela, ou pelo menos saber pela nossa amiga em comum.
      Mas como te disse, ela faz esse tratamento com alguma regularidade, e está óptima. Durante a toma é que fica com o sistema imunitário de rastos e tem que ter muito cuidado.
      Beijinho

      Eliminar
  8. A tua preocupação aliada à vontade de ficares bem, são os sinais de que tudo vai correr pelo melhor!
    Um beijinho cheio de força e energia positiva! ***

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada pelas palavras. Às vezes o medo dá lugar à coragem :D
      Beijinho grande*

      Eliminar
  9. Então, como te tens dado com o medicamento Sofy?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá. Obrigada por perguntares :)
      Até agora está a correr bem. Já fiz as primeiras análises e não tive alterações significativas. Agora é esperar pelas próximas. Também não estou a sentir grandes efeitos secundários, apenas alguns, mas bastante ligeiros.
      Beijinho*

      Eliminar
  10. Olá Sofy,
    O medo é natural não podes é ser refém desse medo, pensamento positivo sempre e vai correr tudo bem, só tens de acreditar nisso.

    beijinhos e bom fim-de-semana*

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá. Obrigada pelas palavras. Tens razão, o pior do medo é deixar-nos ficar presos a ele. Mas eu sou forte :)
      Bom fim de semana! Beijinho grande*

      Eliminar
    2. eu tomo ledertrexato talvez ha 4 anos tenho sarcoidose doença muito encapacitante pois tinha as articulacoes dos dedos das maos e do pez inchados e tinha muitas dores e verdade que de inicio tive medo de tomar o medicamento nao por a minha medica me dizer nada mas ai esta fui ler o folheto enformativo mas como eu estava mal em risco de nao poder trabalhar comecei a tomar meu deus como a minha vida melhorou ...sinto -me tao bem a unica coisa que sinto de anormal no dia da toma sinto um bocadinho de enjoo mas eu axo no meu caso axo que o medicamento fez milagres tomei cortisona de inicio mas agora ja nao tomo e sinto-me muito bem nao tenha medo....

      Eliminar
    3. eu tomo ledertrexato talvez ha 4 anos tenho sarcoidose doença muito encapacitante pois tinha as articulacoes dos dedos das maos e do pez inchados e tinha muitas dores e verdade que de inicio tive medo de tomar o medicamento nao por a minha medica me dizer nada mas ai esta fui ler o folheto enformativo mas como eu estava mal em risco de nao poder trabalhar comecei a tomar meu deus como a minha vida melhorou ...sinto -me tao bem a unica coisa que sinto de anormal no dia da toma sinto um bocadinho de enjoo mas eu axo no meu caso axo que o medicamento fez milagres tomei cortisona de inicio mas agora ja nao tomo e sinto-me muito bem nao tenha medo....

      Eliminar
    4. Obrigada Mariana por ter deixado cá a sua experiência. Fico contente por a sua vida ter melhorado bastante! Espero que aconteça o mesmo comigo apesar de termos problemas diferentes.
      No meu caso também sinto sempre enjoo e náuseas, mas apenas no dia da toma. Infelizmente, ainda não há melhorias na minha pele, mas há que manter a esperança.
      Beijinho*

      Eliminar
  11. Olá. Eu tomo ledertrexato para a artrite reumatóide há 3 anos e estou bem. No início também estava preocupada com as contra indicações mas agora tomo e não me preocupo. Claro q faço análises de meio em meio ano para ver se está tudo bem mas pronto... Tem q ser e o q tem de ser tem muita força. E eu preciso desta medicação para "acalmar" a minha artrite reumatóide

    ResponderEliminar
  12. Olá! Sempre ouvi dizer que as termas fazem bem à psoarise: as termas de Felgueiras, e as de Monfortinho são ADQUADAS PARA ESSA DOENÇA. tAMBEM O SOL É BENÉFICO. eSPERO QUE A MINHA DICA TENHA AJUDADO.M.M.

    ResponderEliminar